Dourados/MS, Domingo, 26 de Maio de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Domingo, 07 de Abril de 2019, 07h:59
Tamanho do texto A - A+

Dourados tem sete casos confirmados de Febre Chikungunya

Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta semana o boletim atualizado de casos notificados e confirmados

Renato Giansante
De Dourados para o Capital News

Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

Foto ilustrativa de mosquito, Aedes aegypti, dengue, vírus zika, chikungunya

Cuidados devem ser os mesmos da dengue e sintomas podem ser parecidos

Além da alta incidência de dengue em todo Estado, a Febre Chikungunya também está sendo observada com atenção pelas autoridades. Nesta semana, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou o boletim epidemiológico atualizado desta doença e Dourados já apresenta sete confirmações e 33 notificações.

O mosquito transmissor é o mesmo da dengue e pode transmitir as duas doenças para a mesma pessoa. No Mato Grosso do Sul são 242 casos notificados que já se aproxima da quarta maior marca dos últimos seis anos com apenas quatro meses neste ano.

Os casos confirmados são em Bela Vista (1), Campo Grande (29), Dourados (7), Jardim (1) e Três Lagoas (1), totalizando 39.

A SES alerta que sintomas como febre de início súbito maior que 38,5°C e dor intensa nas articulações de início agudo, acompanhada ou não de edemas (inchaço), não explicado por outras condições, sendo residente ou tendo visitado áreas onde estejam ocorrendo casos suspeitos até duas semanas antes do início dos sintomas ou que tenha vínculo com algum caso confirmado, devem ser observados como suspeita.

As recomendações são de manter em repouso, tomar muito líquido: água, suco de frutas, soro caseiro, chás, água de coco e sopas; manter amamentação; procurar uma unidade de saúde; e evitar a exposição à mosquitos.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix