Dourados/MS, Domingo, 19 de Novembro de 2017 | 10:54
27˚
(67) 3042-4141
Educação
Sábado, 10 de Setembro de 2016, 10h:08
Tamanho do texto A - A+

Educadores encerram greve de quase três meses em Dourados

Rogério Vidmantas
De Dourados para o Capital News

Divulgação/Simted

Educadores encerram greve de quase três meses em Dourados

Educadores votam pelo encerramento da greve que durava quase três meses

Terminou nesta sexta-feira (9) a greve dos educadores da Rede Municipal de Ensino (Reme) de Dourados que durou 79 dias. A decisão pelo fim do movimento foi tomada em assembleia geral realizada na sede do Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Eduacação (Simted). A paralisação foi parcial e durante o período, várias escolas da Rede continuaram com as aulas normalmente.

De acordo com a categoria, a definição ocorreu após as negociações entre o sindicato e a prefeitura, intermediado pela Câmara de Vereadores, que aprovaram em sessão extraordinária na tarde de sexta, o projeto de Lei Complementar 019/2016, relativo ao PCCR (Plano de Cargos, Carreira e Remuneração) da Educação da Lei Complementar 267/2014.

Após sancionada pelo executivo, a lei será publicada com três tabelas: da Incorporação de 20% do Magistério Municipal, que atende à toda a categoria; o pagamento do adicional de 1/5, referente a parcela do mês de outubro e outra publicação com o pagamento do adicional relativo à parcela de novembro.

Já com relação ao grupo administrativo, o Diário Oficial do município desta sexta traz a publicação do decreto com alteração da redação de um artigo do PCCR Administrativo, que retira a condição de pagamento à disponibilidade de receitas no orçamento, mas respeitando a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Na segunda-feira (12), uma reunião entre uma Comissão do Simted e a Secretaria de Educação deve discutir a reposição nas unidades de ensino do município. Professores e administrativos voltam às atividades também na segunda.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix