Dourados/MS, Sábado, 31 de Outubro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2020, 16h:58
Tamanho do texto A - A+

Procon Estadual deve intermediar acordos com financiadores de vans

Sindicato do transporte escolar pede ajuda ao Procon

Laryssa Maier
Capital News

Procon/MS

Rodrigo Aranda, André Vicente Cruz e Marcelo Salomão.

Rodrigo Aranda, André Vicente Cruz e Marcelo Salomão.

Visando conseguir apoio do Procon, Rodrigo Aranda Armôa e André Vicente Cruz, respectivamente,  estiveram reunidos na manhã desta  quarta-feira com o superintendente Marcelo Salomão.

 

Durante o encontro os  representantes sindicais expuseram a  situação vivida pelos profissionais ligados ao transporte escolar que,  em função da pandemia  que suspendeu as atividades nas escolas, passaram a ter dificuldades para quitar as prestações dos veículos e  que vários deles já se encontram em processo de busca e apreensão. Há casos em que se registra seis meses de inadimplência.

 

De acordo com Rodrigo, a reivindicação é que o Procon Estadual intervenha no sentido de  encontrar uma forma de evitar a perda de  veículos que, na realidade, são “ganha pão” de muitos pais de família. De acordo com o registro no Detran/MS são, pelo menos, 3 600 veículos utilizados nesse tipo de transporte.

 

“O que reivindicamos é a suspensão temporária da cobrança e o remanejamento das prestações vencidas para o fim do contrato, mesmo que tenhamos de pagar multas. Decreto  federal deveria suspender a cobrança das duas primeiras prestações, entretanto isso não aconteceu e, se acontecesse, não solucionaria o nosso problema, uma vez que estamos desempregados há seis meses”.

 

Em nome do Procon/MS, Marcelo Salomão se  comprometeu em realizar reuniões  com representantes dos bancos financiadores dos veículos. “O financiamento configura relação de consumo pura e procuraremos intervir no sentido de encontrar uma solução que minimize o problema  dos transportadores”, comenta. De acordo com assessoria, nesse sentido, vai promover reuniões com os bancos na ordem de quantidade de financiamento por rede bancária.

 

A pedido do Sintems, encaminhamento de acordos deverá abranger, também, proprietários de vans de turismo que se encontram na mesma situação do transporte escolar, uma vez que a atividade foi praticamente extinta nessa época de restrições.

 

Serviço:

 

A Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor – Procon/MS, órgão integrante da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho – Sedhast o presidente e o tesoureiro  do Sindicato dos Transportadores  Escolares de Mato Grosso  do Sul – Sintems, 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix