Dourados/MS, Sexta-Feira, 15 de Novembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Segunda-Feira, 17 de Junho de 2019, 17h:35
Tamanho do texto A - A+

Organizador de caçada é preso

Capataz estava com pistola, munições e cinco animais abatidos

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PMA

Organizador de caçada é preso

Capataz foi preso após denúncias

Um capataz de 59 anos é acusado de organizar caçadas ilegais. Ele foi preso ontem (16) em Sete Quedas com uma pistola, munições e cinco animais abatidos. A prisão deu-se em uma fazenda localizada a 30 km da cidade, em que os Policiais chegaram às 6h, depois de denúncias contra o funcionário e encontraram o local da caçada no meio da tarde. Alguns caçadores fugiram pela mata ao avistar as equipes.

 

Os policiais encontraram dentro de um freezer duas capivaras, duas cutias e um cateto abatidos, além de uma pistola calibre 22 e munições ilegais utilizadas na caçada. O acusado admitiu a caça ilegal e informou que seis caçadores, que seriam paraguaios empreenderam fuga, depois de aviso pela senha, que seria acionamento de buzina do seu veículo. As equipes diligenciaram pela mata, porém, não encontraram os fugitivos.

 

A arma e munições pertencentes ao capataz e os animais, além de três armadilhas de caça foram apreendidos. O infrator, que caçava sem conhecimento do patrão, recebeu voz de prisão e foi encaminhado, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Sete Quedas, onde foi autuado em flagrante por crime ambiental de caça ilegal e por porte ilegal de arma. A pena para a caça é de seis meses a um ano de prisão e do porte de arma de dois a quatro anos de detenção.

 

O caçador também foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.5 mil . Caso identificados os fugitivos, também serão multados no mesmo valor e responderão pelo crime de caça ilegal.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix